Muitas e muitas cosmicômicas

Por conta, provavelmente, da minha preferência pessoal, sempre achei que o livro mais popular de Italo Calvino era As Cidades Invisíveis. Por isso, me espantei um tanto com a quantidade de vídeos baseados em As Cosmicômicas no Youtube. Nem sei se é uma questão de preferência, popularidade ou gosto — talvez as histórias de Qfwfq (apesar do nome) sejam mais inspiradoras visualmente que as relatadas por Marco Polo a Kublai Khan. Abaixo, seguem nove desses vídeos, muitos deles peças de divulgação da Amazon.

[morfeo_basic 1 /]

3 Comentários para: “Muitas e muitas cosmicômicas

  1. Pingback: Vítor Joanni
  2. Pingback: Augusto Paim

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *