Livros na cozinha

AFrog+KafkaSoup1

Uma ótima ideia: um livro com 14 receitas culinárias, todas elas escritas como contos que parodiam a obra de um escritor.  Em A Sopa de Kafka, de Mark Crik (Editora Argumento, 96 págs., R$ 32), há coisas como Ovos com Estragão (à la Jane Austen), Risoto de Cogumelo (à la John Steinbeck), Galeto Recheado (à la Marquies de Sade), Frango Vietnamita (à la Graham Greene) e Queijo com Torrada (à la Harold Pinter).

O autor, responsável também pelas ilustrações do livro (acima), garante que as receitas funcionam. Eu, de minha parte, garanto que as paródias são convincentes. Algumas são realmente muito boas. Um dos melhores contos-receitas é Coq au Vin (à la Gabriel García Márquez), de onde retiro o trecho a seguir. Para esclarecer: o Pequeno Jaguar, ou El Jaguarcito, mencionado abaixo, havia sido o mais bem-sucedido dos galos de briga do local, sacrificado, então, para ser a última refeição de Fidel Agosto Santiago, um assassino condenado à morte.

Na véspera da execução o padre Antonio pegou seu lugar na mesa da cozinha e espalhou as contas da Igreja. Tobaga fez o sinal da cruz e tirou os pedaços do Pequeno Jaguar da marinada e deixou escorrer. Esquentou numa panela o azeite e acrescentou as cebolas pequenas inteiras. Picou o bacon em pedacinhos e também colocou na panela. Nessa mesma arena, colocou aos poucos e com muito cuidado os pedaços do Pequeno Jaguar. Os pedaços do corpo soltavam faíscas furiosas ao tocar no óleo quente. Quando a carne ficou dourada, Tobaga cobriu a carnificina com a marinada vermelho-sangue e El Jaguarcito ficou quieto para sempre.”

2 Replies to “Livros na cozinha”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.