O mapa do livro

Confesso que adoraria uma estante nesses moldes – ordenada e bagunçada ao mesmo tempo. O Texas, por exemplo, me parece ótimo: tire um livro e tudo desmoronará. Ideal para livros, digamos, de literatura italiana. Em compensação,  os caixotes Wyaoming, Colorado e Kansas permitem uma organização bem razoável. Poderiam abrigar britânicos, alemães e, sei lá, finlandeses.

A peça é do designer irsraelense Ron Arad.

3 Replies to “O mapa do livro”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.