Wilhelm, o grito

Contrabandeei essa do blog Desculpe a Poeira, do Ricardo Lombardi. Juro: mesmo tendo ouvido dezenas de vezes, não sabia que existia catalogado um certo Grito Wilhelm, muito menos que ele possuía uma longa história em Hollywood. Na Wikipedia (aqui), fico sabendo que o efeito de som apareceu pela primeira em 1951, no filme Tambores Distantes, de Raoul Walsh. De lá para cá, segundo o verbete, foi usando em coisa de 150 outros filmes.

O vídeo acima é uma compilação de alguns deles. Muito estranho que tenha nome de psicanalista que escreveu um livro chamado A Função do Orgasmo, não?

4 Replies to “Wilhelm, o grito”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.