Megafusões

Separe grandes obras de arte, acrescente ótimas capas de discos e você terá – com algumas pitadas de talento, criatividade e domínio técnico de alguns softwares – algo parecido com o que See Gee, um usuário do Flickr, conseguiu. Até agora, ele promoveu e publicou a fusão entre 24 pinturas (ou outro suporte das artes plásticas) e álbuns célebres. Alguns são muitos parecidos, outros nem tanto – mas esses são até mais interessantes, porque fazem uma aproximação menos óbvia, por meio da linguagem gráfica. Em muitos casos ele consegue inclusive uma aproximação entre os títulos das obras.

A que está acima, que mistura o cachimbo do Magritte com o álbum Is This It, do Strokes, é uma das minhas preferidas, e se baseia quase que exclusivamente na cor e na aproximação das linhas (clique nas imagens para ver  no original). Outras ótimas são as que seguem abaixo – Nu Descendo uma Escada, de Duchamp, com Paranoid, de Black Sabbath, e o Pássaro no Espaço, de Brancusi, com Raw Power, de Iggy and the Stooges.

As três abaixo são mais literais e identificáveis: O Menino de Azul, de Thomas Gainsborough + Bad, de Michael Jackson; The Physical Impossibility of Death in the Mind of Someone Living, de Damien Hirst + Nevermind, do Nirvana; e o urinol de Duchamp com, claro, The Dark Side of the Moon, de Pink Floyd.

Para conferir as demais capas, clique aqui para visitar a galeria de See Gee no Flickr.

12 Comentários para: “Megafusões

  1. Pingback: Daniela Name
  2. Pingback: Almir de Freitas
  3. Pingback: Dom
  4. Pingback: Diego Fracari
  5. Pingback: Luanna Calasans
  6. Pingback: Isabel Pinheiro
  7. Pingback: carolinakallas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *